BBB – Os jogadores mais estrategistas das últimas edições

O BBB sem dúvidas melhorou muito nos últimos 3 anos a sua performance e estratégias para dar ao público mais emoção.

Seus jogos, provas, temas, festas, tudo é feito minuciosamente para gerar conflitos de personalidade ou parcerias entre os participantes.

O público fica preso ao reality show cerca de 3 meses na expectativa de várias novidades quanto aos participantes e também as próprias estratégias que o Big Brother Brasil traz.

E quanto as estratégias, com certeza envolve jogadores e muitos montaram diversos planos, alguns saíram muito cedo e outros até foram longe.

Por isso vamos analisar quais os melhores jogadores em termos de estratégias nos últimos 3 anos do programa.

Imagem Freepik - BBB - Os jogadores mais estrategistas das últimas edições
Imagem Freepik – BBB – Os jogadores mais estrategistas das últimas edições

Felipe Prior – BBB 20

O Arquiteto Felipe Prior foi um grande personagem do BBB 20, uma lenda que até hoje os seus fãs se lembram.

No início ele entrou em um grupo só de homens que começaram a jogar contra as mulheres e isso não deu muito certo, saindo um por um.

No final das contas restou apenas Prior e Babu de homens na casa e eles começaram a articular ideias para eliminá-las, além das muitas polêmicas.

Mas não durou muito e Prior acabou sendo eliminado com o maior paredão da história, 1,5 bilhão de votos com 56% de rejeição contra 42% da Manu Gavassi.

Alguns dizem que ele errou em sua estratégia colocando a Manu Gavassi junto com ele, pois ela era uma pessoa forte na casa.

Jade Picon – BBB 22

A Influenciadora Jade Picon também foi uma excelente jogadora apesar da pouca idade, pois ela tinha voz entre muitos participantes.

Ela demonstrou ser muito fria, observadora, comunicativa e com muita personalidade.

Foi a única a bater de frente com Arthur Aguiar que era o seu principal rival no BBB 22.

O problema foi que ela focou tanto em eliminar o Arthur que acabou fazendo algumas jogadas erradas.

Por exemplo, ela disse que não colocaria ele no paredão e acabou colocando atrapalhando o jogo dela aqui fora.

Isso acabou eliminando-a com um estrondoso percentual de quase 85%.

Gil do Vigor – BBB 21

Gil do Vigor foi um dos participantes mais queridos da história do Big Brother Brasil, basta ver os seus bordões que viraram febre.

Todo o seu carisma, a sua intensidade e simpatia contagiava tanto as pessoas lá dentro como aqui fora.

Já surtou em várias ocasiões no reality, mas isso nunca o prejudicou, pois compensava com as suas boas características.

Mas fora todas essas emoções, ele era uma pessoa bem inteligente, articuladora e comunicativa.

Junto com Sarah Andrade e no início com Juliette, eles sempre planejavam algumas excelentes ideias.

Ele não ganhou o prêmio, mas ficou em 4º lugar chegando bem perto do prêmio.

Rafa Kalimann – BBB 20

Rafa Kalimann também foi uma jogadora incrível na edição do BBB 20, tendo em vista a circunstância do jogo dos homens contra as mulheres na edição.

Ela tomou a frente tentando conversar e argumentar com os homens, mas quando viu que a solução estava complicada, ela falou com firmeza mostrando ter uma personalidade forte.

Ela articulou várias jogadas para ir além no programa ganhando a simpatia do público.

Assim ela obteve um grande resultado chegando na final com a Thelma e Manu Gavassi sendo a vice campeã do Big Brother Brasil.

Rodrigo Mussi – BBB 22

Rodrigo Mussi do BBB 22 foi um jogador com umas excelentes estratégias que acabou não vingando.

Acabou saindo muito cedo do programa, apenas na segunda semana de confinamento.

Ele tentou criar rivalidade no Lollipop e no quarto dos homens, ganhou 2 provas e 1 imunidade em apenas 2 semanas, gerando estratégias com jogadores aqui e ali.

Estudou muitas temporadas do reality e disse que só queria jogar e não passar o tempo.

Também disse que ele cometeu erros porque ele foi muito ansioso e que deveria ter esperado um pouco mais, sendo que pessoas aqui fora começaram a chamar ele de manipulador.

Tudo isso pode ter causado uma má impressão para o público e para alguns lá dentro.

Sarah Andrade – BBB 21

A consultora de Marketing Digital do BBB 21 começou muito bem o reality show criando um Trio favorito e poderoso com Gil do Vigor e Juliette a ganhar o Big Brother Brasil conhecido como G3.

Ela e o grupo articulavam boas estratégias, sendo que ela era bem firme em sua posição e estava jogando muito bem, mas com o tempo ela foi se afastando da favorita Juliette e a falar mal dela.

Ela também cometeu outros erros lá dentro falando de preferências políticas e sobre uma polêmica do coronavírus.

Tudo isso foi desgastando a imagem dela com o público aqui fora e assim ela foi a 8ª eliminada do programa com quase 77% de rejeição.

Arthur Aguiar – BBB 22

O vencedor do BBB 22, o ator Arthur Aguiar foi um dos melhores jogadores de todas as edições do Big Brother Brasil, apesar de não chegar nem perto de ser uma unanimidade.

Venceu PA e DG na final com quase 69% com seu perfil de jogador frio, meticuloso e que evitava entrar em brigas e discussões.

Ele era muito observador, persuasivo, com uma excelente comunicação e boa postura e isso o fez um poderoso jogador influenciando os participantes lá dentro e boa parte do público aqui fora.

O que aumentou as suas forças foram os 7 paredões que ele enfrentou sendo que ele foi ficando cada vez forte ao sair de cada um.

Ele também foi a 1 paredão falso e ali estudou e observou todos os participantes da casa aumentando ainda mais as suas estratégias.

A única que tentou bater de frente com ele foi Jade Picon que no início até conseguiu rivalizar com ele, mas depois saiu do eixo.

Pyong Lee – BBB 20

O hipnólogo Pyong Lee que disputou o BBB 20 foi um outro grande estrategista que saiu cedo demais sendo o 8º eliminado com quase 52% de rejeição.

Assim como Rodrigo Mussi, ele foi para o Big Brother Brasil para jogar e não perder tempo.

Ele montava boas teorias e tentava praticá-las criando boas estratégias.

Mas também cometia erros bobos como escutar atrás das portas e isso com certeza não passou despercebido pelo público.

Também foi soberbo ao pedir a Prior que era o líder para que o colocasse no paredão junto com o Babu e que o venceria, dito e não feito, pois ele saiu derrotado.

Além disso cometeu outros erros graves lá dentro que gerou até caso de polícia e o público não perdoou.

Juliette – BBB 21

Sem dúvidas a campeã Juliette do BBB 21 realmente foi um verdadeiro fenômeno do reality.

Pois ela atingiu mais de 20 milhões de seguidores no instagram no final do programa, algo que nunca aconteceu com tanta velocidade, e isso traduz toda a sua trajetória dentro do BBB.

No início do programa ela queria ser aceita por todos e por isso cometia muitas gafes e isso fez com que ela fosse ridicularizada por muitos.

Ela foi perseguida dentro do programa por vários participantes, foi abandonada pelos seus parceiros e mesmo assim manteve forças para continuar.

Mesma ela sendo atacada, demonstrava forças e tinha argumentos contra os ataques e isso foi empoderando a jogadora aqui fora.

Com o tempo ela ganhou a simpatia do público, pois queria resolver os conflitos de uma forma amigável com um tom de voz agradável e com bons argumentos.

Vindo de uma família humilde, não existe soberba em sua personalidade e isso que fez o público se identificar com ela.

Assim de forma geral ela não teve um concorrente a altura, ela ganhou com certa facilidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.